➤Siga nosso perfil oficial no Twitter , Se Inscreva em nosso canal no YouTube "MultiMidia Info"
.

Nova criptomoeda DeFi brasileira dispara 1.000% em menos de uma semana


Mesmo em momento fraco para o mercado de criptomoedas, um novo token brasileiro voltado para o segmento das finanças descentralizadas (DeFi) disparou de preço em uma semana.

O Zaigar Finance (ZAIF) é um projeto da Zaigar, empresa que atua no ramo de marketing de recompensas desde 2018. Trata-se de mais um fork da PancakeSwap (CAKE), mas que deseja se diferenciar ao oferecer uma iniciativa de longo prazo tocada por pessoas com rosto e nome, algo incomum no meio DeFi.

Uma delas é Luan Ítalo, co-fundador e diretor de marketing da Zaigar. Ele conta que a ideia de entrar no mundo DeFi surgiu após perceber, em meio a investimentos pessoais no segmento, que muitos projetos eram anunciados, mas sequer saiam do papel.

“Em muitos desses projetos, os desenvolvedores colocam boa parte das moedas na própria carteira, colocam uma pequena parte para venda. Depois eles pumpam o [preço do] token e, na hora de lançar o farm, eles despejam o token e somem”, conta Ítalo à reportagem.

O que ele descreve é o que se chama popularmente por pump & dump, prática muito comum nas criptomoedas e no DeFi, inclusive no Brasil. Recentemente, um token obscuro chamado Louvre Finance surgiu do nada oferecendo um suposto marketplace de NFT, mas logo derreteu de preço logo após youtubers brasileiros promoverem a moeda nas redes sociais.

Em termos de funções, a Zaigar Finance visa oferecer o farming de tokens ZAIF como recompensa pelo staking na plataforma, que roda na Binance Smart Chain (BSC). O protocolo deve operar nos moldes de produtos brasileiros já conhecidos, como a Bitblocks Finance (BBKFI) e a ZCore Finance (ZEFI), o maior projeto DeFi nacional.

O protocolo cobrará 5% de todas as transações e destinará 2% para os holders, 2% para a Zaigar utilizar em ações de marketing e 1% para uma carteira morta, que queima os tokens e os remove de circulação. O ZAIF tem uma oferta máxima de 180.000.000 de unidades, previstas para serem mineradas por cinco anos.
Pré-lançamento do token ZAIF

Ao contrário dos outros projetos brasileiros, a Zaigar preferiu ir no caminho da pré-venda, algo comum em DeFi. A equipe pré-minerou 10 milhões de unidades da ZAIF, das quais 90% foram destinados à venda antecipada – todos esgotados em cerca de 24 horas. Outros 9% foram para um airdrop e o 1% restante será revertido para ações de marketing.

Distribuição dos tokens ZAIF pré-minerados

O projeto garante que os sócios não estão comprando as próprias moedas com desconto para despejar mais tarde no mercado, embora só possa mostrar que as carteiras dos envolvidos não estão recebendo tokens ZAIF.

“Por ser algo descentralizado, eu não consigo proibir qualquer pessoa de comprar a moeda. Mas, a gente não minerou moedas para a equipe e não inflamos o preço da moeda.”
1.000% em uma semana

Até o momento o projeto Zaigar Finance vem mostrando bons resultados. Se comparado com o preço da pré-venda, o token ZAIF registra 1.000% de valorização em menos de uma semana. Segundo o monitor BscScan, o token tem atualmente 7.912 carteiras ativas e a oferta total de 9.971.483,720012 ZAIF – desses aproximadamente 42% estão nas mãos de duas baleias.

A Zaigar garante que os endereços não são da empresa, mas de investidores que viram uma oportunidade de investir logo no começo para lucrar mais na frente. Nas mãos da Zaigar, diz Ítalo, estão menos de 1% da oferta do token em duas carteiras: uma de marketing e outra que controla os saques da pré-venda.

No fechamento da matéria, o ZAIF era negociado na PancakeSwap por US$ 0,0156577.

Fonte: beincrypto
Categorias:

Postar um comentário

0 Comentários
*Por favor não faça spam aquí. Todos os comentários são revisados por um administrador.

Comente com o Facebook:

Top Post Ad

Below Post Ad