Um erro de digitação resultou em uma cara transferência para um usuário, que agora está pedindo ajuda


Um usuário do Ethereum acidentalmente gastou US$ 9.300 (R$ 52 mil aproximadamente) em taxas de transação para enviar apenas US$ 120 (R$ 670). Ele agora está pedindo aos mineradores que devolvam o dinheiro de forma altruísta – embora não haja requisitos para isso.

Uma conta com pseudônimo de “ProudBitcoiner” postou sua experiência no Reddit, postando um link para a transação para verificá-la. ProudBitcoiner disse que digitou erroneamente a taxa de transação durante a transferência – gastando acidentalmente 23 Ethereum (ETH). As taxas de transação são pagas em “Gas” e numeradas em “Gwei”, um sistema que pode ser desconhecido e confuso de usar.

A transação foi feita por meio do MetaMask, uma carteira Ethereum, enquanto o usuário usava a exchange Uniswap para trocar tokens. A transação foi obtida pela empresa de mineração Ethermine em menos de 30 segundos (as mineradoras tendem a priorizar as transações com taxas de transação mais altas).

“O Metamask não preencheu o campo com o valor correto em minha transação anterior e essa transação falhou, então decidi alterá-lo manualmente na próxima transação (esta), mas em vez de digitar 200000 em “Limite de gas”, escrevi no campo “Preço do gas”, então paguei 200.000 Gwei por esta transação e destruí minha vida”, explicou o usuário.

As transferências de fundos na rede Ethereum exigem que uma taxa de Gas seja inserida antes de qualquer transação. Estes são então pagos aos minerados.

Um “limite” de gas é a quantidade máxima de gás que um usuário está disposto a pagar por transação, enquanto o preço do gas é a quantidade de Gwei que um usuário pode gastar em cada unidade de gas. Juntos, o limite e o preço se combinam para definir as taxas por transação na rede Ethereum e mudam continuamente com base na demanda e na atividade da rede. Daí a confusão.

Para referência, os dados do site Gas Station mostram que as taxas da Ethereum estão atualmente cotadas em apenas 24-33 Gwei por transação, uma fração do que a ProudBitcoiner acabou pagando à Ethermine ontem.

Enquanto isso, o usuário agora está tentando obter de volta algumas das taxas perdidas. “Entrei em contato com a Ethermine no Twitter, entrei em contato com seu CEO Peter Pratscher no Twitter, fiz este post aqui … Estou sem ideias”, disse no post.

A Ethermine, por sua vez, ainda não respondeu aos pedidos feitos pelo usuário do Reddit e não é obrigada a fazê-lo. Quaisquer erros de digitação durante as transações são de natureza final, e os mineradores só devolveriam se quisessem.

Apesar disso, ProudBitcoiner ainda não está perdendo as esperanças.

A BitFly, empresa controladora da Ethermine, enfrentou um dilema semelhante no início deste ano, quando alguém pagou mais de US$ 2,6 milhões em ETH como parte das taxas de transação em um bloco minerado pela Ethermine. No entanto, a BitFly reembolsou o dinheiro após reter os fundos por quatro dias e afirmou que quaisquer problemas semelhantes no futuro não estarão sujeitos a qualquer investigação ou reembolso.

Deixe seu comentário:

Postagem Anterior Próxima Postagem

Recomende e compartilhe para seus amigos no facebook