➤Siga nosso perfil oficial no Twitter , Se Inscreva em nosso canal no YouTube "MultiMidia Info"
.

Confira as datas do Calendário da 5ª parcela do auxílio emergencial


O pagamento da 5ª parcela do auxílio emergencial deve ter as datas do calendário de pagamento em breve, ao menos para o grupo geral. Para os beneficiários do Bolsa Família o calendário já está definido.

Confira todas as datas abaixo.

Calendário 5ª parcela do auxílio emergencial
O calendário da 5ª parcela do auxílio emergencial já foi definido para aquelas pessoas que antes recebiam o Bolsa Família.

Isso aconteceu porque este grupo recebe os valores no mesmo dia que deviam receber o Bolsa Família.

Outra vantagem, além da liberação do calendário da 5ª parcela do auxílio emergencial, está no fato que estes beneficiários podem sacar os valores assim que são liberados.

Desempregados e autônomos, por outro lado, devem esperar o calendário oficial de liberação de saque. Que pode demorar cerca de um mês. 


Calendário 5ª parcela do auxílio – Bolsa Família
Inscritos NIS                    4ª parcela
NIS de final 1                   18 de julho
NIS de final 2                   19 de julho
NIS de final 3                   20 de julho
NIS de final 4                   23 de julho
NIS de final 5                   24 de julho
NIS de final 6                   25 de julho
NIS de final 7                   26 de julho
NIS de final 8                   27 de julho
NIS de final 9                   30 de julho
NIS de final 0                   31 de julho


Qual o valor e número de parcelas do Auxílio 2021?
Entre muitas discussões e críticas sobre qual seria o valor, datas para saque do auxílio emergencial e número de parcelas adequadas o governo já está iniciando o calendário da 4ª parcela do auxílio emergencial.

Ao todo serão quatro parcelas, com valores que podem variar de R$ 150 a R$375. Veja:
Pessoa que mora sozinha: recebe R$ 150;
Famílias com mais de uma pessoa e não dirigidas por uma mulher: recebem R$ 175;
Famílias com mães “chefes de família”: recebem R$ 375;

Prorrogação do auxílio emergencial
O governo deve pagar pelo menos mais três parcelas do auxílio emergencial.

Além de entrar no calendário de pagamento a 5ª parcela do auxílio emergencial, os beneficiários podem contar ainda com a 6ª e 7ª.

Se o mesmo padrão for mantido, o calendário deve seguir com liberações de valores até setembro e saques até outubro.

A iniciativa pretende manter o auxílio até que pelo menos que toda a população adulta tenha recebido a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

Depois disso, já em outubro, a ideia de que o Bolsa Família seja totalmente reformulado: trocando de nome, aumentando o valor e número de beneficiários.

Categorias:

Postar um comentário

0 Comentários
*Por favor não faça spam aquí. Todos os comentários são revisados por um administrador.

Comente com o Facebook:

Top Post Ad

Below Post Ad